PARCEIROS APOIADORES

Adolescente em surto psicótico ameaça mãe e irmã em assentamento


A Brigada Militar foi acionada na tarde de segunda-feira (27), 14h30, para atendimento de uma ocorrência na região do Itaquatiá, Assentamento Ibicuí-lote 02, zona rural de Sant'Ana do Livramento. Conforme relato policial, um adolescente de 16 anos de idade estaria em situação de surto psicótico.

A mãe relatou aos policiais que seu filho possui problemas mentais, não soube informar ao certo que tipo de problema, mas que há um ano se trata no CAPS e toma medicamentos controlados. Na manhã do fato, o adolescente discutiu com a mãe por causa do volume da televisão, pegou uma barra de ferro e um faca, e mandou que a mãe e a irmã, de dois anos de idade, tirassem a roupa no quarto. A comunicante relata ainda que fez menção que tiraria a roupa, aproveitou uma distração do menor e conseguiu lhe tomar o facão e a barra de ferro, imobilizando o mesmo contra o chão. Na sequência gritou por socorro mas ninguém a ouviu. O menor se desvencilhou da mãe, pegou um machado e quebrou a porta da frente, fugindo da casa.

A vítima então fugiu e pediu socorro na escola onde foi contactado o Conselho Tutelar que acionou a Brigada Militar. O adolescente foi conduzido ao PAM onde foi medicado e permanece internado.

A comunicante contou ainda que já houve outros episódios de violência dentro de casa mas nunca de cunho sexual. A vítima informa ainda que o autor não esta tomando a medicação prescrita pelo médico e estava violento, ameaça matar a vitima e o irmão maior de idade que também reside no local. Solicita medidas protetivas da lei Maria da Penha.

Delegada

A delegada Giovana Müller, explicou para a reportagem do Correspondente, que neste caso foi pedido equivocadamente medidas protetivas. "Já cancelei, pois não cabe contra adolescente infrator. Ele responde ao procedimento, mas sem possibilidade de aplicar tais medidas".