PARCEIROS APOIADORES

Santiago: dinheiro que se gastaria no Carnaval é investido em ampliação de escola infantil

Mais de 150 crianças serão beneficiadas com a decisão da Prefeitura de Santiago em não gastar pra fazer a festa de Carnaval deste ano. Com o dinheiro economizado, em recurso livre, a Prefeitura está investindo na ampliação e reforma da escola de educação infantil Bem-Me-Quer, que fica no bairro Belizário.

Conforme o prefeito Tiago Gorski Lacerda, a escola está ganhando novas salas de aula, banheiros, cozinha, refeitório e despensa. Assim, a escola conseguirá ampliar a sua clientela que, em 2017, era de 100 crianças. O custo total da obra, iniciada no ano passado, é de R$ 361 mil.

Custo do Carnaval- Em 2017, a Prefeitura gastou quase R$ 100 mil para fazer a Estação Folia. Foram R$ 61.840 para a empresa promotora de eventos, mais R$ 35 mil para a banda e outros R$ 5 mil de taxas para o Ecad, Crea e outros.

Jorge Flores Paines 
Jornalista DRT-15097

Radialista DRT-5765

Quer Anunciar?

WhatsApp(55)98415-2150

© Copyright 2016 Correspondente O Repórter. Desenvolvido por Gath Soluções em TI

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now