PARCEIROS APOIADORES

Ocorrências: lesão corporal; tentativa roubo a residência; roubo a taxista; furto e porte de arma

Lesão Corporal-Maria da Penha

A Brigada Militar foi acionada por populares no fim da madrugada de domingo (13), por volta das 5h50, na rua Silveira Martns, nas proximidades da Agência do INSS, onde estaria ocorrendo um crime de violência doméstica. Segundo o relato um homem estaria agredindo a vítima (mulher), com socos e puxões pelos cabelos.

No local dos fatos, os policiais se depararam com o casal e o agressor ainda estava batendo na vítima, em plena via pública. A vítima foi socorrida para o Pronto-Socorro da Santa Casa e o agressor encaminhado para a Delegacia de Polícia de Pronto-Atendimento (DPPA).

Em seu depoimento, a vítima contou que convive com o agressor há 11 anos, aproximadamente, têm três filhos menores de idade e que esta não era a primeira vez que tinha sido agredida pelo acusado. O motivo das agressões deste domingo teria sido por ciumes, pois estavam ambos em um baile e o marido embriagado começou a agredi-lá. A vítima manifestou o desejo de processar o acusado criminalmente e solicitou as medidas protetivas previstas na Lei Maria da Penha.

Tentativa de roubo a residência com lesões

A Brigada Militar compareceu na rua João Ojeda, bairro Jardim Europa, na noite de sábado (12), por volta das 21h, para atendimento de ocorrência de tentativa de roubo a residência.

Conforme o que foi registrado, no local ocorreu uma tentativa de assalto, tendo em vista que a vítima entrou em luta corporal com o assaltante. Um homem teria chegado em uma motocicleta e entrado no domicílio de arma em punho anunciando o assalto, quando houve o confronto. O agressor usava capacete e touca. O assaltante chegou a realizar um disparo de arma de fogo e a vítima recebeu duas coronhadas na cabeça. Logo após a confusão o meliante, que estava sozinho, saiu do local de motocicleta.

Roubo a taxista

Um taxista comunicou a Polícia que no início da manhã de sexta-feira (11), por volta das 6h, pegou uma corrida até a Igreja Santa Terezinha. Quando trafegava nas proximidades do Galeto Itália, dois indivíduos sinalizaram solicitando parada. Um dos homens pediu que o levasse até as proximidade do Aviário Nicoline. Quando chegou até o referido destino, mandou o taxista parar e anunciou o assalto. O trabalhador foi gravateado pelo pescoço, pelo homem que sentou no bando de trás do táxi e foi ameaçado com uma faca pelo o indivíduo que sentou ao seu lado.

Os ladrões, antes de fugirem, pediram a carteira que continha R$ 150,00 em dinheiro e documentos pessoais.

Porte ilegal de arma de fogo

Um homem foi encaminhado para a Delegacia de Polícia de Pronto-Atendimento (DPPA), no fim da tarde de sexta-feira (11), após ter sido flagrado armado, em uma blitz de trânsito na avenida João Pessoa-Linha Divisória.

Segundo ocorrência policial, a Brigada Militar realizava uma fiscalização de trânsito e ao abordar o condutor da motocicleta Winner, foi constatado que o mesmo carregava um revólver no interior de uma bolsa. A arma estava municiada com sete cartuchos intactos.

Furto mão grande

Relata a vítima que caminhava pela avenida Almirante Tamandaré, nas proximidades da Igreja do Rosário na noite de quinta-feira (10), quando por volta das 21h30, foi abordada por um indivíduo alto, cabelo escuro e usando moletom com capuz. O acusado pegou a vítima por um braço e arrancou o celular de sua mãos, saindo correndo em direção a Rivera/Uruguai. O agressor não falou nada e não mostrou nenhuma arma para a vítima.