PARCEIROS APOIADORES

Ar polar entra forte sobre o Sul e provoca geada no fim de semana

A Região Sul do Brasil já começou a sentir o efeito de uma nova massa de a frio, de origem polar. A quarta-feira (13) foi bastante fria na maioria das áreas dos estados. O centro desta massa de ar frio, que é a região com ar mais gelado, ficou sobre o centro-oeste da Argentina e no fim da semana deve passar entre o Rio Grande do Sul e o Uruguai.

Pela medição das estações meteorológicas automáticas do Instituto Nacional de Meteorologia do Epagri-Ciram, a menor temperatura no Rio Grande do Sul foi de 4,1°C em Uruguaiana e em Palmeira das Missões e em Santa Catarina, de 3,0°C em Urupema (morro de Urupema). No Paraná, a menor temperatura foi de 4,7°C em General Carneiro.

Em Sant'Ana do Livramento as temperatura mínimas ficaram abaixo dos 5ºC e a previsão para o fim de semana é de mínima de 1ºC e máxima de 11ºC, céu com nuvens e ventos de 10 a 15km/h.

Dias de frio intenso Esta nova onda de frio sobre o Sul do Brasil está apenas começando. Até o domingo, 17 de junho, o frio aumenta muito nos três estados e a partir desta quinta-feira, 14°C, já é possível que a temperatura volte a ficar abaixo de 0°C em áreas do Rio Grande do Sul, do planalto sul e da serra de Santa Catarina.

Temperaturas negativas devem ser observadas também na sexta-feira e no fim de semana.

Alerta de geada Os próximos três dias serão com geada generalizada sobre o Rio Grande do Sul. Até o sábado, 16 de junho, várias regiões do estado devem registrar geada ampla, com moderada a forte intensidade. Pode gear novamente em áreas da Grande Porto Alegre.

Em Santa Catarina, é alto o risco de geada até o sábado no oeste, meio-oeste e no sul (região serrana) catarinense.

O Paraná também vai ficar bastante frio nos próximos dias, mas o maior risco de geada desta vez é para o sul/sudoeste do estado durante o sábado, 16 de junho.

No domingo, 17, ainda deve gear no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina, mas em menos áreas. Na segunda-feira, o risco de geada diminui bastante com o gradual enfraquecimento da atuação do ar polar sobre a Região Sul.

Foto: Daniel Badra/rede social

Fonte: ClimaTempo/por Josélia Pegorim

Jorge Flores Paines 
Jornalista DRT-15097

Radialista DRT-5765

Quer Anunciar?

WhatsApp(55)98415-2150

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now