PARCEIROS APOIADORES

Prefeita apresenta alterações no Decreto de Calamidade Pública em Livramento

29/03/2020

Na sexta-feira (27), durante entrevista coletiva, a prefeita Mari Machado anunciou as alterações no Decreto de Calamidade Pública em função do coronavírus – em vigor desde o último dia 20 - que passa a valer no município a partir do dia 28 de março, sábado.
Com prazo de sete dias, o novo Decreto inclui novos serviços como essenciais, que poderão ser retomados cumprindo condições como, orientações de higiene e equipamentos de segurança para os funcionários, além de medidas de distanciamento entre as pessoas. Entre os serviços estão, por exemplo, o funcionamento de unidades lotéricas e correspondentes bancários; serviços de hotelaria e hospedagem; construção civil; ferragens e serviços de “mototáxi”. Todos possuem regramentos específicos que serão fiscalizados.

Além disso, o documento apresenta alterações já anunciadas durante a semana, como a liberação dos serviços de “delivery”. Outros serviços continuam restritos, a exemplo do decreto anterior.
Durante a apresentação, Mari frisou que o Decreto segue o modelo do Estado, e que as medidas foram estabelecidas após a análise desta primeira semana e conversas com diversos setores. “Busquei ter serenidade, ouvindo muitos segmentos. Mas, deixo claro que minha primeira tarefa é cuidar da saúde das pessoas. Certamente dependemos da colaboração de cada um”, afirmou, destacando a importância do distanciamento social neste momento em que a curva de contaminação está ascendendo em todo o país.
Mari ainda relatou que se preocupa com a economia do Município e que a Administração Municipal está trabalhando na elaboração de um Plano Estratégico prevendo a flexibilização  das medidas restritivas estabelecidas neste período. “A prioridade é a vida das pessoas, embora tenha muita preocupação com a economia, percebi que os setores com que conversei também têm o mesmo entendimento”, destacou.

Além de pedir a colaboração no combate ao vírus, Mari solicitou o apoio da comunidade também no combate a dengue, pedindo que os moradores realizem a limpeza dos pátios, evitando o acúmulo de água parada. E finalizou agradecendo o trabalho incansável dos trabalhadores da saúde no Município, da força tarefa de fiscalização que envolve servidores e forças policiais e a colaboração de voluntários. Destacou também as doações recebidas e o gesto da Câmara de Vereadores de abrir mão do recebimento de R$ 60 mil do duodécimo, além da liberação de R$ 1,7 mi de orçamento que estava previsto para emendas impositivas para alocação no orçamento da saúde e da assistência.

 

CLIQUE AQUI E CONFIRA O DECRETO NA ÍNTEGRA

 

Compartilhar
RT
Please reload

Jorge Flores Paines 
Jornalista DRT-15097

Radialista DRT-5765

Quer Anunciar?

WhatsApp(55)98415-2150

© Copyright 2016 Correspondente O Repórter. Desenvolvido por Gath Soluções em TI